Programa de Residência Médica do HMGV forma sexta turma de especialistas

 In Especiais, FHGV, Notícias

Nesta sexta-feira (26), 14 residentes se formaram no Programa de Residência do Hospital Municipal Getúlio Vargas (HMGV) que é administrado pela Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV). A cerimônia foi restrita e aconteceu com intervalo de meia hora a cada no máximo quatro formandos. Essa é a sexta turma que conclui a residência pelo programa do HMGV.

Durante 3 anos, a médica Joana Trevizan Rampi, fez residência em anestesiologia no HMGV. “Pretendo prestar concurso público para continuar no hospital trabalhando com a equipe. Vai ficar a saudade porque saio daqui satisfeita e feliz. Aprendi e pratiquei muito”, afirma. O também residente do programa de anestesiologia, o médico Ederson Dias Alves de Oliveira, comenta que por ser um hospital de menor porte pode praticar bastante e participar de procedimentos em volume maior do que em outros hospitais. “Estou com propostas de trabalho e inscrito no concurso para voltar. Um dos principais motivos para eu voltar é o ambiente de trabalho com equipe familiar”, acrescenta.

A médica, Marina Behrends Pinto, fez o Programa de Residência Médica em Clínica Médica no período de 2 anos. “Agora, vou entrar na residência em oncologia da Santa Casa. No HMGV, foram anos muito bons e muito bem preceptorada. Voltaria no futuro trabalhar aqui. No começo, foi um grande desafio por ser um hospital menor e 100% SUS. Levo muitos amigos daqui”, declara.

O médico, Bernardo Dan Junges, cursou em dois anos o Programa de Residência Médica em Medicina da Família e Comunidade. “Muito boa a residência e tem as mesmas dificuldades em qualquer outro lugar porque depende muito do trabalho nos postos de saúde. A estrutura do atendimento básico em Sapucaia do Sul surpreendeu-me de maneira positiva e fiz estágio em diversas áreas”, opina.

Cerimônia

Em razão de um ano de pandemia do coronavírus no Brasil, a cerimônia de formatura foi compacta. “Foi um ano de muito trabalho e sacrifícios. Se por um lado deixamos de seguir a rotina usual de atendimento ambulatorial, foi um ano de renovar o juramento e estar com os pacientes onde eles precisavam nas unidades covid-19”, explica o médico psiquiatra e coordenador do Programa de Residência e do Programa de Residência Médica em Psiquiatria, Pedro Ritter,

A formatura dos residentes contou com a presença da vice-coordenadora do Programa de Residência e do Programa de Residência Médica em Clínica Médica, Adriana Trein Enzveleir; do responsável técnico médico do HMGV, Rafael Rosito; do preceptor Carlos Eduardo Teixeira; da coordenadora do Programa de Residência Médica em Anestesiologia Andréia Portela e do diretor de Atenção à Saúde da FHGV, Marcelo Bastiani Pasa, que se revesaram para a entrega dos certificados. Da Fundação, também participou do ato o diretor de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas, Rafael Teixeira Dutra.

Programa

O HMGV conta com o Programa de Residência Médica em Anestesiologia; Programa de Residência Médica em Área Básica Cirúrgica; Programa de Residência Médica em Clínica Médica ; Programa de Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia; Programa de Residência Médica em Psiquiatria e Programa de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade. Os interessados em fazer a residência no HMGV devem ficar devem ficar atentos que o novo edital a ser publicado em meados de setembro e outubro pela Associação Médica do Rio Grande do Sul.

Texto: Jocélia Bortoli – MTB 9653 / Comunicação FHGV

Fotos: Comunicação FHGV

Recent Posts