FHGV vai à Justiça contra notícias falsas

 In FHGV, Hospital Getúlio Vargas, Notícias

Considerando a constante propagação de notícias falsas que vêm causando transtornos e desinformação nas redes sociais, a Fundação Hospitalar Getúlio Vargas vem a público informar o que segue:

  • Na tarde desta quarta-feira, dia 10 de junho, a FHGV registrou Boletim de Ocorrência e tomou as medidas judiciais cabíveis contra aqueles que criaram e divulgaram informações falsas sobre os últimos óbitos por coronavírus ocorridos no Hospital Getúlio Vargas de Sapucaia do Sul.
  • Essas pessoas poderão ser enquadradas em pelo menos oito artigos do Código Penal e um do Código Eleitoral (caso envolva agente político), com penas que vão desde a aplicação de multas até prisão e perda de direitos políticos.
  • Entre os exemplos de mentiras disseminadas está a que diz que instituições de saúde, inclusive a FHGV, recebem verba por óbitos de Covid-19. FALSO. Desrespeito à boa fé da população.
  • As notícias falsas (fake news) vêm causando pânico e temor, aumentando a intranquilidade e a insegurança da população no atual momento delicado em que vive a sociedade, na luta contra a pandemia.
  • Nesse contexto, a Fundação manifesta-se no sentido de tranquilizar a população, reafirmando que todas as suas unidades, em especial o Hospital Municipal Getúlio Vargas, estão equipadas e preparadas para atender a todos os usuários, tanto para casos de coronavírus quanto para os demais.

EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS, PREVINA-SE CONTRA AS FAKE NEWS.

BUSQUE INFORMAÇÕES EM FONTES SÉRIAS E RESPONSÁVEIS.

Recent Posts