Bem-estar e qualidade de vida durante o tratamento oncológico reúne participantes do GRATO

 In CLISAM, FHGV, GRATO, Hospital Getúlio Vargas, Notícias

O Grupo de Apoio ao Tratamento Oncológico (GRATO) em atuação há 3 anos no Hospital Municipal Getúlio Vargas (HMGV) realizou reunião mensal com integrantes. O tema abordado foi O bem-estar e a qualidade de vida durante o tratamento oncológico reunindo assistidas que buscam nesse espaço uma oportunidade para esclarecer dúvidas e receber apoio. Entre as participantes, a aposentada Maria Edvirgs Dutra dos Santos, que frequenta as reuniões desde a criação do grupo.

“Comecei a frequentar o GRATO devido a um câncer numa mama. Esse trabalho foi muito importante para mim e continuo até hoje porque encontro no local carinho e respeito. Tomo remédio e acompanho. Depois de um ano da cirurgia, na mesma mama apareceu outro câncer, mas percebi o nódulo no começo, por isso foi retirado sem precisar fazer nova quimioterapia e radioterapia. Antes, tinha feito oito quimioterapias e 30 radioterapias”, afirma a aposentada.

Maria conta ainda que quem passa por um câncer precisa ter muita força de vontade e consciência que ficar na cama não cura a doença. “Depois de três dias da quimioterapia, quando estava em casa, eu me sentia muito mal. Descansava meia hora na cama e pensava que eu tinha que me ajudar. Era eu quem fazia o serviço em casa e cozinhava. Na época, eu tinha minha mãe para cuidar e sempre com pensamento positivo. Esse grupo dá muito apoio para a gente, carinho, respeito e bom atendimento, pois os ouvidos das integrantes do GRATO estão sempre dispostos a nos ouvirem”, relata.

Orientação

A palestra O bem-estar e a qualidade de vida durante o tratamento oncológico foi ministrada pela assistente administrativa da Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV) Stephanie Menna Barreto Viana que também é estagiária do curso de Psicologia. Ela lembra que o bem-estar não é apenas o físico, mas a pessoa se sentir bem e continuar indo aos lugares. Além disso, ela observa ser necessário o cuidado da alimentação para uma qualidade de vida melhor paralelo ao tratamento.

“Trabalho há 2 anos no HMGV. Comecei na recepção da radiologia e hoje estou atuando na parte de mamografias. Toda a suspeita, biópsia que precisa ser feita e exame a ser complementado sou eu quem liga para a paciente. Muitas vezes, estou junto na descoberta do câncer e isso é muito difícil. Vemos um exame, porém, é uma pessoa. Temos que ligar e dizer que não está bom e dissemos para fazer um complemento. Aquelas que já tiveram câncer se assustam muito e precisamos tranquilizar. Acabamos nos doando bastante ao trabalho ao lidar com essas situações”, revela Stephanie.

Sarau Cultural

O apoio multidisciplinar dado aos pacientes oncológicos do GRATO composto por mulheres e homens acontece sempre na primeira terça-feira de cada mês no auditório da Sede da FHGV. A idealizadora Lúcia de Souza Almeida explica que o trabalho é de acolhimento e ajuda aos pacientes, sobretudo, para que eles não interrompam o tratamento. O GRATO ocorre por meio de ações feitas por profissionais de diferentes áreas da saúde e com apoio da Clínica da Saúde da Mulher e do setor de Imagem do HMGV.

Para encerrar as atividades deste ano, no próximo dia 7 das 14h às 19h, na Praça da Juventude em Sapucaia do Sul está sendo organizando um Sarau Cultural com apresentações de artistas voluntários e desfile das vitoriosas. Na ocasião, haverá um coquetel que conta com o apoio da comunidade através de doações de produtos alimentícios e brindes a serem sorteados. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail grato@fhgv.com.br ou pelo telefone 51 3451 1958.

Recent Posts