Diretoria de Gestão de Pessoas começa a utilizar ferramenta BPM nesta segunda

 In Fundação, Notícias

A Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV) segue a implantação da ferramenta Business Process Management (BPM), ou Workflow, termo em inglês que significa fluxo de trabalho. Além do setor de compras e licitações, que já adotou a novidade, a partir desta segunda-feira (10) a Diretoria de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas (DGDP) passa a usar em três fluxos o sistema online que é mais econômico, ágil, seguro e dinâmico para o desempenho das tarefas desempenhadas pelos trabalhadores.


Desde maio, a ferramenta é implantada na instituição e a Unidade de Logística foi a primeira a adotar. Agora, na etapa da DGDP, a solicitação de pessoal, alteração de carga horária médica, e ainda, nomeação, dispensa e alteração de Função Gratificada (FG) da área de pessoal podem ser feitos via eletrônica, eliminando totalmente o uso do papel.


“De nenhuma unidade será aceito o início desses pedidos se não forem pelo sistema. Na semana que vem começamos a construir outros fluxos da área de pessoal que vão entrar em funcionamento gradualmente pelo BPM”, afirma o diretor de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas, Alex Borba dos Santos. O diretor destaca também a agilidade na comunicação dos pedidos, sobretudo, das unidades que não se encontram na sede da FHGV, promovendo a organização e a padronização dos processos com acompanhamento facilitado.

O consultor Cristiano Schuch observa que os processos relacionados à DGDP são iniciados por variados setores e unidades da FHGV. Quanto ao cronograma de implantação, ele observa que “tudo o que foi planejado está sendo seguido dentro da normalidade com as pessoas usando e gostando do sistema”, avalia.

Recent Posts